quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Pênis Curvo do Jovem: Tratamento!

A curvatura do pênis ocorre porque uma membrana (túnica) com menor elasticidade do que o normal provoca o repuxamento do pênis. A pele do pênis raramente é determinante de uma curvatura, mesmo porque tem uma elasticidade muito grande.

No pênis curvo congênito, observa-se mais frequentemente curvatura para baixo e/ou para o lado, levando, muitas vezes, à interpretação de que o cabresto ou freio seja responsável pela curvatura, o que geralmente não é verdade.


Portanto, pode-se dizer que uma cirurgia somente para liberar o freio dificilmente corrigirá o problema da curvatura, o que pode ser comprovado durante a cirurgia ao se verificar a não-retificação do pênis por meio de uma ereção induzida com soro fisiológico ou medicamento.

Todas as técnicas cirúrgicas empregadas até então levavam à diminuição do tamanho do pênis, pois se retirava parte da membrana do lado longo do pênis curvo até igualá-lo ao lado curto. Assim, resolvia-se um grande problema, porém o paciente não ficava totalmente satisfeito.

A técnica cirúrgica desenvolvida pelo Dr. Paulo Egydio possibilita o alongamento do lado curto do pênis até deixá-lo do tamanho do lado longo. Com esta técnica consegue-se o máximo possível em tamanho peniano em um procedimento cirúrgico reconstrutivo de curvatura peniana.

Essa técnica consiste em um corte na membrana, cuja forma muda para cada paciente, a fim de eliminar o repuxamento peniano. Como nesses casos a membrana (túnica) encontra-se menor do que deveria ser, quando o pênis é posto reto, fica faltando um pedaço da membrana, o que é corrigido com a colocação de um enxerto, que permite que a túnica cresça novamente, envolvendo-o. Este enxerto é feito com uma membrana já pronta e que não provoca rejeição, o que evita mais uma cirurgia para sua obtenção.

Enxerto utilizado há mais de 20 anos em cirurgia cardíaca pelo Instituto do Coração e em cirurgias oftalmológicas.

Os estudos e cuidados para o desenvolvimento dessa técnica foram tão precisos que instrumentos foram projetados especialmente para a realização dessa cirurgia.

O Dr. Paulo Egydio utiliza esta técnica cirúrgica, de amplo reconhecimento internacional, desde 1998, com grande sucesso e satisfação dos pacientes, permitindo que inúmeros jovens e adultos tenham um desempenho sexual normal.

Obs: Muitos casos de pênis curvo em jovem não necessitam do uso de enxertos. Em muitos casos, a liberação dos tecidos que envolvem a túnica (inclusive a uretra) pode possibilitar a retificação do pênis, sem a necessidade de intervenção na túnica e utilização de enxerto. Isso só poderá ser determinado durante a correção cirúrgica. Se for julgada necessária a utilização do enxerto para evitar redução do tamanho do pênis, o mesmo será utilizado. Para uma cirurgia deste tipo, o cirurgião deverá estar pronto para utilizar as duas abordagens, se for preciso.

A mesma cirurgia também trata a doença de Peyronie (Curvatura Adquirida).

Há casos em que a pessoa tem o pênis curvo do jovem (curvatura congênita) e pela predisposição a traumas devido à própria curvatura que facilita escapar da vagina, dobrar e forçar o pênis durante a relação sexual e também, em muitos casos, associada à uma ereção inadequada devido ao aspecto psicológico que envolve este problema, podem acabar também desenvolvendo a doença de Peyronie.

As vantagens desta cirurgia

» O procedimento é simples e com desconforto mínimo.

» Tem uma rápida recuperação. É possível corrigir com anestesia local e sedação (para dormir durante o procedimento), com possibilidade de alta do hospital até no mesmo dia dependendo do horário da cirurgia. O retorno às atividades normais (trabalho e/ou estudo), exceto atividades físicas, tem sido possível na maioria dos casos em 1 a 2 dias.


» Com a técnica desenvolvida pelo Dr. Paulo Egydio, alongando-se o lado curto do pênis até deixá-lo do tamanho do lado longo, consegue-se o máximo de recuperação do tamanho peniano possível em um procedimento cirúrgico reconstrutivo de curvatura peniana.

» A cicatriz é discreta e semelhante à da fimose. O Dr. Paulo Egydio utiliza fio transparente e absorvível para o fechamento, com sutura semelhante à da cirurgia plástica, não necessitando a retirada dos pontos.

Fonte e maiores informações: centrodecurvaturapeniana.com.br

13 comentários:

  1. O meu é torto, mas não sei se esse problema mesmo. Depois de ler fiquei com um pouco de medo, pois ele é para baixo, mas meu amigo falou que é porque eu coloquei ele muito tempo para baixo. Agora eu coloco ele para o lado. O que eu faço ? Obrigado !!

    ResponderExcluir
  2. Não há nenhum problema em seu pênis ser torto, logicamente que se a curvatura for muito saliente e provocar dores você deve procurar um urologista. Se a curvatura lhe incomoda "psicologicamente" procure um urologista também, existem diversos tratamentos para a correção da curvatura no pênis do jovem, até a cirurgia. O ajuste do pênis na cueca é fundamental, você não quer acentuar a curvatura, correto! Coloque do lado oposto. Mas a recomendação é que procure um especialista, eu recomendo de olhos fechados o Dr. Paulo Egydio, além de ser um excelente profissional (referência na área) é uma pessoa que preserva a sua privacidade e integridade!

    ResponderExcluir
  3. Então e se vivermos longe (noutro país) desse Dr. Paulo Egydio? Em Portugal usam a mesma técnica?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, a técnica é difundida, mas recomendo o Dr. Paulo pela experiência no assunto. Ele costuma receber pacientes de outros países, ligue e tire dúvidas com a sua secretária.

      Excluir
  4. Eu também tenho Penis torto Tenho 14 anos E Tenho vergonha de conta para os meus pais...
    Oq eu faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem outra saída, vc tem que consultar um urologista.

      Excluir
  5. Tenho 17 anos e tenho o pênis torto pra esquerda e tenho vergonha de comentar com os outros .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Consulte um urologista, não tem outro jeito.

      Excluir
  6. Olá eu também tinha este problema de pênis torto, passei com urologista fiz a cirurgia é bem de boa e estou muito satisfeito. Melhorou muito minha vida sexual.

    ResponderExcluir
  7. fiz a cirurgia de penis curvo congenito, depois de um mes fui me masturbar e fez um estralho, agora esta doendo um pouco, o que houve ?

    ResponderExcluir
  8. Alguem sabe o valor da cirurgia

    ResponderExcluir
  9. Sou mulher, casada há anos com um homem com pênis curvo congênito. Serei sincera, se a curvatura for acentuada não hesitem em buscar ajuda médica. Como mulher digo é ruim, incomoda, causa um desconforto e algumas posições trazem for para a mulher. Qdo o casal está namorando, pouco tempo de relacionamento é contornável. Mas com o passar dos anos se torna difícil ser penetrada por um pênis que machuca. Então não tenham vergonha, façam o que for preciso para ter uma vida sexual super prazerosa pra vc e sua parceira.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...